quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Sobre o livro da vida

A, B, C, D, E, F... todas as letras diferentes.
Cada uma exercendo sua "função".
Existem letras sozinhas, que unem palavras.
Palavras são letras unidas.
Letras unidas formam frases.
Frases geram histórias.
Histórias formam livros.
Livros trazem sentimentos.
Sentimentos ficam na memória.
A memória vai conosco até a morte.

Letras são sentimentos.
Pessoas são letras em nossa vida.
Algumas têm a intensidade de uma palavra, talvez uma frase, ou chegue ao ponto de tornar-se um parágrafo inteiro.
Talvez a borracha do tempo apague, talvez não.
Sentimentos com alta intensidade moram em nosso livro da vida até a morte.

Ps: Não tenho conseguido terminar o conto "Close to you", portanto irei postando pequenos textos com meus sentimentos, aguardem.

3 comentários:

  1. Gostei da forma como voce escreveu. Meio poesia, meio conto.
    Pena que algumas pessoas que viram paragrafos tem que sr apagadas da nossa vida.

    ResponderExcluir
  2. Expressar sentimentos é a melhor maneira de se auto libertar.
    Ficou muito bom.

    ResponderExcluir