quarta-feira, 4 de novembro de 2009

As vezes questiono, o por que das pessoas passarem tão rápido por nossas vidas. E não importa quão foi o tempo que ela ficou ao seu lado. Sempre deixa alguma marca, seja ela pequena ou extremamente funda.

Um comentário: